Como montar uma infraestrutura de TI para empresas?

Entenda oque é necessário para montar uma infraestrutura de T.I em Empresas

Leia também:

Empresas de todos os tamanhos e segmentos precisam de uma infraestrutura de TI eficiente para garantir as estratégias de negócio e a satisfação de clientes.

Considerando que muitas, senão todas, informações estão salvas nos dispositivos e na nuvem, a necessidade de ter uma boa infraestrutura montada é indiscutível. 


O que é infraestrutura de TI?

A infraestrutura de TI é uma combinação de 4 elementos principais: hardware, software, banco de dados e telecomunicações. Seu objetivo é servir e sustentar os sistemas de informação, isto é, servir de base para a entrada, processamento e saída das informações.

Ela contempla todos os cabos de rede que conectam a provedora de internet ao seu modem e roteador, a própria internet, os dispositivos (desktop, notebook, smartphone, tablet, smartwatch, smartband, etc), os servidores que armazenam as informações e os programas que utilizamos — Microsoft Office, pacote Adobe, Google Chrome, Dropbox  outros.


O que é infraestrutura de TI compartilhada?

A infraestrutura de TI compartilhada é uma união entre os 4 elementos com o propósito de centralizar todas as informações e ferramentas numa só plataforma. Isto é, quando interesses e atividades comuns se alimentam das mesmas fontes de dados. Ou seja, quando há pessoas usufruindo da infraestrutura de modo colaborativa e compartilhada, cujas atividades estão centralizadas numa base comum, bem como nos CRMs e ERPs.

A infraestrutura de TI compartilhada acontece também em atividades remotas, visto que muitos dessas plataformas se hospedam na nuvem, possibilitando o acesso em qualquer ponto geográfico.


Como montar uma infraestrutura de TI?

A estruturação da TI requer muita atenção, pois um mal planejamento pode trazer riscos as atividades e prejuízos orçamentários. Neste momento, o CEO, CIO, CTO e CFO ( cargos do alto escalão executivo ) da sua empresa devem estar juntos para definir os objetivos e o orçamento disponível para a implementação da infraestrutura de TI.

Tendo em vista que a TI vem para solucionar dores, é importante entender quais são os problemas enfrentados pelos demais departamentos da sua empresa e elaborar a melhor forma de atendê-los.

Para montar a infraestrutura de TI, você e sua equipe devem:

  • Entender as dores da equipe: procure entender quais são as deficiências encontradas na estrutura atual com base nos depoimentos para estudar o que pode ser proposto como ponto de melhoria. As respostas irão guiar as orientações abaixo.
  • Definir objetivos: uma infraestrutura de TI não deve existir por mero capricho. Ela servirá para aplacar problemas do seu negócio. 
  • Levantar os equipamentos: implementar uma infraestrutura de TI é caminhar para a transformação digital do seu negócio. 
  • Pesquisar softwares
  • Elabore o ROI esperado: para fins de parâmetros e acompanhamento de métricas, elabore qual é o retorno esperado com a nova infraestrutura. Assim você poderá acompanhar o que ela trouxe de benefícios e de economias.
  • Mapear todos os novos gastos: além da óbvia compra de equipamentos e licenças de softwares, existem outros gastos que às vezes não paramos para pensar: energia e internet. Fornecedores e mão de obra, ou novos colaboradores, também deve entrar na lista dos investimentos.
  • Estabelecer prazos e responsáveis: centralizar tudo numa pessoa só não é eficiente. Por isso, defina responsáveis para cada tarefa seus prazos de entrega. 


Como escolher os equipamentos da infraestrutura de TI?

Os 4 elementos da infraestrutura de TI devem estar bem alinhados para que ela seja funcional e te ajude a alcançar seu objetivo. Por isso, aqui vai algumas dicas de como planejar:

  • Hardware e acessórios
    • A escolha dos dispositivos devem atender o desempenho ideal para as atividades

  • Software
    • Eles podem ser sistemas operacionais, softwares web, programas para o computador e até mesmo aplicativos.
    • Há também os modelos de softwares por assinatura. Os próprios ERPs podem ser via assinatura, bem como CRMs, ferramentas de gestão, analytics e outros.
    • Além de escolher aqueles que são mais eficientes, procure também por soluções que garantam a segurança das suas informações e que atendem as regulamentações como a LGPD.


  • Banco de dados
    • A sua empresa pode precisar de armazenamento para suas informações, e ele pode se dar de duas maneiras: servidores internos ou cloud computing.
    • Portanto, busque por empresas ou soluções que também garantem a segurança, escolhendo data centers com todas os protocolos necessários para garantir o pleno funcionamento e segurança dos seus dados


  • Telecomunicação
    • Elas precisam oferecer um SLA ideal que atenda os requisitos mínimos de funcionamento da sua infraestrutura de TI.
    • Procure, portanto, assinar um acordo de serviço que impeça quedas de internet no seu setor e instabilidades na velocidade da conexão.
      • Seus dispositivos irão se conectar por wireless ou em cabos de rede?
        Essa decisão irá pautar a escolha de alcance dos roteadores, comprimento dos fios, modems e switches com número de portas adequadas, dentre outros hardwares de rede.


  • Outros:
    • Aumentar ou mudar a sua infraestrutura de TI pode trazer algumas outras necessidades como o aumento da sua equipe. Portanto, as contratações dos novos colaboradores deve mirar nas pessoas capacitadas para utilizar o sistema atualizado da sua empresa. Além disso, os colaboradores atuais devem passar por treinamento para se adequarem às novas normas e plataformas da empresa, acompanhando a evolução do trabalho.
    • tenha um RH preparado para lidar com as diferenças e que saiba captar talentos ideais para sua nova empresa


Nenhum comentário:

Postar um comentário